Páginas

Análise do 15º Rodeio Crioulo Internacional do CTG Os Praianos


Terminou domingo dia 05 de Maio em São José – SC, o 15º Rodeio Crioulo Internacional do CTG Os Praianos. Foram 10 dias de festa, contando com a presença de 236 duplas no Nacional e 109 duplas na (Oroch) modalidade principal do Internacional.

O número de participantes foi baixo, isso é verdade. Mas a premiação estava ali e foi entregue em sua totalidade.

Não entendo o porquê de não preencher as 200 inscrições. Fiz e refiz as contas para laçar essa modalidade da (Oroch) e considerando o que representa o CTG Os Praianos + premiação oferecida + estrutura e gado + mídia para todo Brasil e confesso que NÃO ACHEI CARO. Quem não participou, perdeu uma grande oportunidade!! Basta ver nas imagens como ficou as arquibancadas (lotada) na final.

Talvez eventos paralelos como a laçada da marca em Lages – SC, tenha tirado algumas inscrições.

Talvez a carteira tradicionalista obrigando os laçadores (de fora do estado) a ser da mesma entidade, tenha tirado algumas inscrições.

Talvez o medo dos laçadores renomados tenha tirado algumas inscrições.

O fato é que não preencheu as 200 como havia feito no caminhão em 2015, e foi um balde de água fria para quem fomenta o laço como eu, de forma profissional e competitiva. Vislumbrando sempre eventos com premiações que valorizem os laçadores. Pois acredito que o CTG Os Praianos é o lugar certo para promover esse tipo de rodeio, de nível A, no estado de Santa Catarina.

Abaixo vou listar alguns pontos positivos e negativos do 15º Rodeio Internacional:

Pontos Negativos: Taça José Nitro da Silva com muitos pelotões, inclusive decidindo alguns na madrugada. Desta forma se tornando cansativo para todos. Já que optaram por essa laçada, deveria ser um pelotão por dia, uma inscrição pra cada.

Burocracia para o pessoal da campeira ao entrar no parque.

Pontos Positivos: Audiência do Canal recorde, se aproximando de 10 mil visualizações ao vivo. 

Parque e cancha estruturado, com arquibancada coberta para dar conforto aos espectadores. No domingo durante a final ficaram lotadas.

Gado de excelente qualidade. Nos 10 dias correu uma boiada selecionada muito boa. Vai ser difícil laçarmos um gado desse padrão novamente.

Gado mocho para definir mais rápido algumas laçadas. Eu aprovei.

Nível de laço alto, estando presentes alguns dos melhores laçadores do Brasil. Não é todo rodeio que estamos rodeados de feras.

Narradores qualificados.

Essa é minha visão, como laçador, do 15º Rodeio Crioulo Internacional do CTG Os Praianos.

Confira abaixo os vencedores das principais modalidades:

Laço Dupla Internacional - força A:

1º Juninho Simão e Romolon Fernandes
2º Alan Soares e Thaian de Avila
3º Duzinho Biazon e Gustavo Sartorelli

Taça Cidade José Nitro da Silva – força A:

1º Joelsio Andrade e Luan da Silva
1º Cicero Pianaro e Cassio Pianaro
1º Ademir de Lima e Tobias Lima

Laço Dupla Internacional – força A10:

1º Eduardo Cruz e Pericles Molina
1º Raniely Preve e Ederson Ramos
1º Angelito Hernandez e Silvio Neto

Laço Dupla Internacional – força A5:
1º Cicero Pianaro e Cassio Pianaro
1º Braulio Neto e Evandro Mendes
1º Ademir de Lima e Tobias Lima

Top do laço:
1º Taine Robeiro
1º Ariane Soares
3º Mariana Borges

Parabéns a todos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário