Páginas

Análise do 15º Rodeio Crioulo Internacional do CTG Os Praianos


Terminou domingo dia 05 de Maio em São José – SC, o 15º Rodeio Crioulo Internacional do CTG Os Praianos. Foram 10 dias de festa, contando com a presença de 236 duplas no Nacional e 109 duplas na (Oroch) modalidade principal do Internacional.

O número de participantes foi baixo, isso é verdade. Mas a premiação estava ali e foi entregue em sua totalidade.

Não entendo o porquê de não preencher as 200 inscrições. Fiz e refiz as contas para laçar essa modalidade da (Oroch) e considerando o que representa o CTG Os Praianos + premiação oferecida + estrutura e gado + mídia para todo Brasil e confesso que NÃO ACHEI CARO. Quem não participou, perdeu uma grande oportunidade!! Basta ver nas imagens como ficou as arquibancadas (lotada) na final.

Talvez eventos paralelos como a laçada da marca em Lages – SC, tenha tirado algumas inscrições.

Talvez a carteira tradicionalista obrigando os laçadores (de fora do estado) a ser da mesma entidade, tenha tirado algumas inscrições.

Talvez o medo dos laçadores renomados tenha tirado algumas inscrições.

O fato é que não preencheu as 200 como havia feito no caminhão em 2015, e foi um balde de água fria para quem fomenta o laço como eu, de forma profissional e competitiva. Vislumbrando sempre eventos com premiações que valorizem os laçadores. Pois acredito que o CTG Os Praianos é o lugar certo para promover esse tipo de rodeio, de nível A, no estado de Santa Catarina.

Abaixo vou listar alguns pontos positivos e negativos do 15º Rodeio Internacional:

Pontos Negativos: Taça José Nitro da Silva com muitos pelotões, inclusive decidindo alguns na madrugada. Desta forma se tornando cansativo para todos. Já que optaram por essa laçada, deveria ser um pelotão por dia, uma inscrição pra cada.

Burocracia para o pessoal da campeira ao entrar no parque.

Pontos Positivos: Audiência do Canal recorde, se aproximando de 10 mil visualizações ao vivo. 

Parque e cancha estruturado, com arquibancada coberta para dar conforto aos espectadores. No domingo durante a final ficaram lotadas.

Gado de excelente qualidade. Nos 10 dias correu uma boiada selecionada muito boa. Vai ser difícil laçarmos um gado desse padrão novamente.

Gado mocho para definir mais rápido algumas laçadas. Eu aprovei.

Nível de laço alto, estando presentes alguns dos melhores laçadores do Brasil. Não é todo rodeio que estamos rodeados de feras.

Narradores qualificados.

Essa é minha visão, como laçador, do 15º Rodeio Crioulo Internacional do CTG Os Praianos.

Confira abaixo os vencedores das principais modalidades:

Laço Dupla Internacional - força A:

1º Juninho Simão e Romolon Fernandes
2º Alan Soares e Thaian de Avila
3º Duzinho Biazon e Gustavo Sartorelli

Taça Cidade José Nitro da Silva – força A:

1º Joelsio Andrade e Luan da Silva
1º Cicero Pianaro e Cassio Pianaro
1º Ademir de Lima e Tobias Lima

Laço Dupla Internacional – força A10:

1º Eduardo Cruz e Pericles Molina
1º Raniely Preve e Ederson Ramos
1º Angelito Hernandez e Silvio Neto

Laço Dupla Internacional – força A5:
1º Cicero Pianaro e Cassio Pianaro
1º Braulio Neto e Evandro Mendes
1º Ademir de Lima e Tobias Lima

Top do laço:
1º Taine Robeiro
1º Ariane Soares
3º Mariana Borges

Parabéns a todos!


3º Rei do Laço do CTG Fazenda Silva Neto

Rei do Laço 2019

Sábado dia 20 de Abril, em Canelinha – SC, aconteceu a 3º edição do Rei do Laço, promovido pelo CTG Fazenda Silva Neto. 125 laçadores que haviam garantido presença antecipadamente participaram do evento.

Na força alta dois laçadores terminaram o evento sem errar: Vinicius Souza e Silvio Neto. Foram jogadas 68 voltas de laço nesta força. 5 de classificatória e 63 de final. Após um acerto entre os dois últimos laçadores Silvio Neto cedeu o título de Rei do Laço 2019, a Vinicius Souza, representante do CTG Do Preto, de Pescaria Brava – SC.


Na força baixa foram jogadas 22 voltas de laço somente na final, para sair os quatro campeões desta força. Sendo eles: Diego Neves, Matheus Silva, Alexandre Feltrin e João Pedro Couto.


Na força C, foram jogadas 9 voltas de laço, na final, para decidir os cinco campeões: Sendo eles: André Paradinha, Renato Lemkuhl, Paulo Vitor, Abel José e Djon Zomer.


Parabéns a todos!!

40º Rodeio Crioulo Nacional do CTG Do Preto

Campeões laço equipe força A

Terminou ontem na cidade de Pescaria Brava – SC, o 40º Rodeio Crioulo Nacional do CTG Do Preto. 162 equipes participaram da festa. Evento teve como ponto alto sua organização, não havendo retardatários em nenhuma das modalidades. Faz tempo que o CTG Do Preto trocou as finais de Taça a noite pelo início cedo. Sábado e domingo por exemplo as provas campeiras iniciaram por volta das 06 horas. Através disso as finais foram realizadas sempre em horário nobre (dia), e evento terminou ontem, antes do anoitecer.

Dentro de cancha muito equilíbrio com quatro laçadores vencendo três modalidades cada: Josué Souza foi campeão do Individual do laço Quarto de Milha, Equipe força A, e Taça de Dupla. Lucas Forgiarini e Yuri Teixeira foram campeões da Taça de Dupla, Taça Louber Reciclagem e Equipe força A. Alexandre Dutra foi campeão do Individual, Taça de Dupla e Taça Louber Reciclagem.

Confira abaixo os principais resultados do 40º Rodeio Crioulo, CTG Do Preto.

Laço Equipe força A – R$ 5.000,00:
1º Josué Souza, Juninho Simão, Romolon Fernandes e Renan Simão – CTG Herança do Velho Pai
1º Lucas Forgiarini, Denis Batista, Marcelo Gama e Yuri Teixeira – Rio Grande do Sul

Taça Louber Reciclagem – R$ 3.000,00:
1º Alexandre Dutra e Neno Matos
1º Lucas Forgiarini e Yuri Teixeira

Taça Cidade Tio Preto, força A – R$ 2.000,00:
1º Mateus Recco e Marcos Fogaça
1º Denis Batista e Marcelo Gama

Taça de Dupla – R$ 1.500,00:

1º Josué Souza e Renan Simão
1º Lucas Forgiarini e Yuri Teixeira
1º Alexandre Dutra e Neno Matos

Laço Individual força A – R$ 2.000,00:

1º Alexandre Dutra
1º Willian Mendes
1º Filipe Valgas

Laço Individual Quarto de Milha:

1º Josué Souza
2º Filipe Valgas

Parabéns a todos!

1º Duelo Clenilson Geraldo


Terminou ontem na cidade de Tijucas – SC, o 1º Duelo Clenilson Geraldo. 70 Duplas que haviam garantido sua inscrição antecipadamente, se fizeram presentes na festa. Dentre essas duplas estavam alguns dos melhores laçadores do Brasil.

Gostei bastante do formato do evento, com forças altas e baixa. Dando assim oportunidade, condições e premio a todos os níveis de laçadores. Torço que esse duelo continue em nosso calendário nos próximos anos. Algo que deve ser melhorado é o horário de termino do evento. Pois o mesmo teve sua ultima modalidade finalizada apos a meia noite.

Dentro de cancha como de praxe no CTG Fazenda Eliane, correu uma gadaria grande e pesada. Nesse gado grande o melhor laçador do evento foi Luan da Silva, de Caxias do Sul – RS. Luan saiu vencedor em três modalidades: Laçada Extra, Duelo de Duplas e Individual força A.) Alan Soares e Thaian de Avila também venceram as duas principais modalidades do evento: Duelo de Duplas e Individual força A. Sendo estes os destaques do evento. 

Confira abaixo os resultados do 1º Duelo Clenilson Geraldo:

Duelo de Dupla – força A – R$ 15.000,00:

1º Angelito Hernandez e Luan da Silva – RS
1º Rodrigo Rodrigues e Juliano Souza – RS
1º Alan Soares e Thaian de Avila – RS

Foram jogadas 26 voltas de laço nesta modalidade.

Duelo Individual força A – R$ 6.000,00:

1º Silvio Neto – SC
1º Alessandro Dornelles – SC
1º Luan Da Silva – RS
1º Alan Soares - RS
1º Thaian de Avila – RS

Foram jogadas 62 voltas de laço nesta modalidade.

Duelo de Dupla força B – R$ 5.000,00:

1º Alan Ferraz e Yan Schnaider - RS/SC
1º Rafael Godinho e Benicio Warmling – SC
1º Cicero Pianaro e Cassio Pianaro – PR

Foram jogadas 21 voltas de laço nesta modalidade.

Duelo de Dupla força C – R$ 5.000,00:

1º Rodrigo Cordova e Miller Pereira – SC
1º Diego Neves e Rafael Sperandio – SC
1º Eduardo Negrelle e Sergio Francisco – SC
1º Giliard Scaburi e Alex Cunha – SC

Foram jogadas 7 voltas de laço nesta modalidade.

Duelo Individual força B – R$ 3.000,00:
1º Diego Fagundes – SC
1º Rafael Sperandio – SC
1º Maylson – SC

Foram jogadas 17 volta de laço nesta modalidade.

Dupla de sexta – Força A:
1º João Eder e Silvio Neto
1º Bruno Matias e André Stolf

Força B:
1º Diego Neves e Rafael Sperandio
1º Rodrigo Cordova e Miller Pereira

Dupla de sábado força A:
1º Daniel Muller e Maycon Pacheco
1º Adilvo Reinert e Rafael Dias

Força B:
1º Diego Neves e Rafael Sperandio
1º Eduardo Negrelle e Sergio Francisco
1º Lucas Cunha e Ruan Cunha

Laçada Extra até a 30:
1º Raniely Preve e Alfredo do Carmo
1º Henrique Neto e Felipe Cavalheiro

Laçada Extra da 30 a 60:
1º Angelito Hernandez e Luan da Silva
1º Lucas Cunha e Ruan Cunha

Parabéns a todos!!

31ª FECARS


Neste final semana aconteceu a 31ª FECARS na cidade de Xángri-Lá- RS, onde ocorreu um fato inédito no laço, onde a 22ª Região Tradicionalista representando as cidades de Rolante, Riozinho, Taquara, Igrejinha, Três Coroas e Parobé, na sua equipe de 10 homens fizeram as 5 voltas de 10 armadas, fazendo um total de 50 em 50, sendo este o recorde até hoje. Na sequência os 10 estando no individual colocaram mais 5 voltas de laço, fechando um total de 100 armadas sem errar da equipe, sendo eles os componentes: Pimentinha, Ramon Grifante, Guilherme Maciel, Lucas Teixeira, Bernardo Assunção, Otávio Moraes, Diego Artur, Junior Ribeiro, Gustavo Assunção e Claudio Peixoto, está mesma irá representar o Rio Grande do Sul no Brasileiro.

Campeão do individual Ademir de Lima, no Braço de Ouro Felipe Vargas de 10 anos, campeão do laço guri, (filho de Jonas Vargas,) onde Duduca campeão do laço geração, deixou o título de Braço de Ouro para o garoto.

Bem estar animal

O MTG/RS criou um departamento de bem estar animal que já começou a funcionar nesta festa, pensando no cuidado com o gado, guizos sem pontas, sendo apenas o barulho para se tocar a boiada, adotando um sistema para molhar o gado na saída do brete, no final da cancha, na entrada do brete um estofado, evitando que o boi se machuque ao entrar. Gado de excelência onde proporcionou um altíssimo nível de laço, uma seleção de 50 laços, duas de 49 e três de 48.

Fonte: MTG/RS

13º Encontro dos Gladiadores do Laço


Terminou ontem na cidade de Paulo Lopes – SC, a 13º edição dos Gladiadores do Laço. 150 laçadores de diversas regiões e estados estiveram presentes. Dentro de cancha destaque para Romolon Fernandes, o grande campeão do Gladiador e melhor laçador do evento. Além de ficar com o título de gladiador, Romolon ganhou outras duas modalidades: Taça Idelfonso Figueiredo e Raspada de Sábado. Não bastasse saiu invicto do evento, jogando 107 armadas, sem errar.  

O Segundo destaque fica por conta de Josué Souza e Rudah dos Passos os finalistas da modalidade principal, que abriram mão do título cedendo o mesmo a Romolon. Eram jogadas 55 voltas de laço, quando os três competidores dividiram a premiação em dinheiro e decidiram encerrar a disputa.

Parabéns aos organizadores e participantes do evento, pelo belo espetáculo.

Confira abaixo os campeões do 13º Encontro dos Gladiadores do Laço:

Gladiador força A:

1º Romolon Fernandes
2º Josué Souza
3º Rudah dos Passos
4º Kaua Demétrio
5º Maico Delfes

Gladiador Força B:

1º Idemir Figueiredo
1º Si Machado
1º Renan
1º Charles

Gladiador prendas:

1º Stefani Duarte

Taça Idelfonso Figueiredo – força A:
1º Juninho Simão e Romolon Fernandes
1º Josué Souza e Renan Simão
1º Matheus Recco e Guto Vieira

Raspada de sexta:
Matheus Silva e Alessandro Dornelles
Maico Delfes e Rudah dos Passos

Raspada de sábado de manhã:
1º Guilherme Figueiredo e Daniel Muller
1º Juninho Simão e Romolon Fernandes
1º Sergio Francisco e Eduardo Negrelli

Parabéns a todos!


1º Duelo Haras Virgínia - Portão - RS

Campeões Duelo Aberto força A

Simplesmente magnífico o 1º Duelo Haras Virgínia


Participo de rodeios há mais de 25 anos e nunca estive em um evento tão majestoso.  A estrutura do Haras é fantástica, parece cenário de novela. Além de dispor da melhor estrutura do país para uma prova de Laço Comprido, a família Fagundes soube muito bem recepcionar e organizar a festa. Foram gentilezas e cuidados como: A limpeza, o bem estar animal, o entretenimento as famílias, a fivela de presente, que fizeram deste evento um “modelo a toda terra”, como cita um verso do hino rio-grandense.

Somando-se a esse enredo, alguns dos melhores laçadores do país estiveram presentes, participando da atraente premiação oferecida pelo Haras Virgínia. Duas camionetes Saveiro, 85 Mil no duelo aberto e 25 Mil somente para as prendas, no laço feminino. Tudo isso sendo transmitido para o mundo, através de dois canais, Esporte Classe A e Top do Laço. Me diga: Como não gostar de um evento desta grandiosidade? Que lhe oferece estrutura, prêmio e mídia aos competidores.

Por tudo que proporcionou neste final de semana aos apreciadores do laço, este evento deve ser reverenciado.

Foi admirável, estupendo. Foi Magnífico!

Falando de Laço

Dentro de cancha o destaque e melhor laçador do evento foi Dieisson Motta. Dieisson foi campeão na quinta feira da Taça José Alencar Fagundes, ao lado de Nereu Borges. Ontem sagrou-se campeão do Duelo aberto força A, valendo 60 mil, ao lado de Juliano Souza, Thaian de Avila, Fernando Sartori e Aquiles Pereira. Cada laçador da força A, embolsou R$ 12.000,00. Somando as duas provas, Dieisson arrecadou a quantia de R$ 16.500,00.

Nas prendas destaque para Ariane Soares, que foi uma das campeãs do Duelo feminino e finalista do duelo aberto força B.

Confira abaixo os resultados:

Duelo Aberto força A – R$ 60.000,00
1º Dieisson Motta – RS
1º Fernando Sartori – SC
1º Juliano Souza – RS
1º Thaian de Avila – RS
1º Aquiles Pereira – SC

Duelo Aberto força B – R$ 25.000,00

1º Evandro Mendes – SC
1º João Pedro Brunetto – RS
1º Tiago Borges – RS
1º Kauã Boeno – RS
1º Jeferson Lopes – RS

Duelo Feminino força A – R$ 12.500,00:

1º Monique Marca – RS
1º Ariane Soares – RS
1º Duda Lima – RS

Duelo Feminino força B – R$ 12.500,00:

1º Maria Eduarda Krever
1º Claudia Feistauer
1º Rafaela Federsen
1º Amanda Rossa
1º Lili Tomasinni

Taça José Alencar Fagundes – 1 Saveiro:

1º Dieisson Motta e Nereu Borges – RS
1º Cesar Araujo e Claudionor Schuquel – RS
1º Angelito Hernadez e Diego Carvalho - RS/SC
1º Duzinho Biazon e Gustavo Sartorelli – SP

Taça Haras Virgínia – 1 Saveiro:

1º Jerônimo Oliveira e Felipe Sander – RS
1º Thiago Bergamo e Luis Otavio Bergamo – RS
1º Anderson Silva e Marcos Leandro – RS
1º Samir Goulart e Roberto Guerreiro – RS


Parabéns a todos!!


Torneio de Laço Fazenda Schurhaus

Campeões laço equipe força A
Estive neste final de semana prestigiando e participando do Torneio de Laço da Fazenda Schurhaus, em Santo Amaro da Imperatriz – SC. 90 equipes se fizeram presentes na festa. Na Taça em duplas de pelotões foram 650 inscrições. Na Taça de sexta 400 inscrições. Evento terminou hoje por volta das 00h30min.

Confira abaixo os campeões das principais modalidades:

Laço Equipe força A:
1º Diego Neves, Lucas Mateus, Gabriel Lalau e Rafael Sperandio – CTG Boca da Serra
2º Kadu Kammer, Marcio Machado, Felipe Zanghelini e José Luiz Kreusch – Imbuia
3º Aquiles Pereira, Felipe Cavalheiro, Fernando Sartori e Henrique Neto – CTG Santa Felicidade

Taça em Duplas de sexta, força A – R$ 2 Mil:

1º Henrique Neto e Felipe Cavalheiro – CTG Santa Felicidade

Taça em Duplas de sexta, força B:
1º Marcos Vinicius e Matheus
1º Renato Lemkulh e João Marcel
1º Quidinho e Jardel Schurhaus

Taça Fazenda Schurhaus força A – R$ 4 Mil:

1º Dudu Harger e Leandro Paraná
1º Fernando Sartori e Aquiles Pereira

Taça Fazenda Schurhaus força B – R$ 1 Mil:
1º Douglas Guimarães e Tiago Fuck
1º Quidinho e Jardel Schurhaus

Parabéns a todos!!


Analise do 4º Duelo de Laço Comprido Ricardinho Kuczera


Foi lindo de ver as armadas dos melhores laçadores do Brasil, na boiada inédita, xucra e de raça do senhor Francisco Ricardo Kuczera. Quem ficou em casa pode acompanhar tudo, através das lentes do Canal Fan, que fez mais uma transmissão profissional, com direito a replay nas finais.

Essa foi minha primeira participação no Duelo de São Mateus do Sul, e gostei bastante. O parque dispõe de uma boa estrutura e a cancha de laço é excelente. O gado como já disse anteriormente proporcionou um espetáculo diferente. Dificultando o ponto positivo dos laçadores, em cada armada. Em nenhuma das modalidades foram jogadas mais de 40 voltas sem erro. Isso, estando presente muitos, dos braços mais firmes do nosso Brasil.

Outro acerto foi a programação do Duelo, sendo a mesma enxuta. Mesmo dando R$ 100.000,00 mil em prêmios, foram apenas quatro modalidades (individual gado mocho, Individual gado aspado, Laço Dupla e Trio.) Isso fez com que as rédeas do evento estivessem sempre sob controle dos organizadores. Uma prova disso foi que domingo antes do anoitecer o Duelo estava encerrado.

Concluo dizendo que foi uma baita festa, e certamente voltarei em 2021!!


4º Duelo de Laço Comprido Ricardinho Kuczera


Terminou ontem na cidade de São Mateus do Sul – PR, o 4º Duelo de Laço Comprido Ricardinho Kuczera. Aproximadamente 210 cavaleiros se fizeram presentes. Foram 4 dias de muito laço e disputas emocionantes. Confira os top 5 que mais arrecadaram dinheiro através do braço no duelo:

1º Toral Junior – Alto Paraná – PR – R$ 12.000,00
2º Duzinho Biazon – Itatinga – SP – R$ 11.833,00
3º Pedro Luis – Pilar do Sul – SP R$ 11.333,00
4º Gustavo Moraes – Campo Belo do Sul – R$ 10.000,00
5º Juliano Souza – Rosário do Sul – RS – R$ 10.000,00

O título maior do evento, o Individual no gado aspado força alta, veio para Santa Catarina no Braço de Gustavo Moraes. Após 26 voltas de laço, sempre na boiada xucra, veio um acerto entre os três laçadores remanescentes na disputa: Gustavo Moraes, Juliano Souza e Toral Junior, optaram por dividir a premiação de R$ 30 Mil e parar. Como o regulamento da casa exigia que saísse o campeão, esse título foi dado, em comum acordo entre os finalistas, a Gustavo Moraes. Desta forma podemos considerar que os três foram vencedores.

Na força B aconteceu a mesma situação, após 38 voltas de laço, Maico Delfes e Carlos Jr optaram por dividir a premiação oferecida de R$ 13 mil e parar. O Título de campeão desta força ficou com Maico Delfes, de Campo Belo do Sul – SC.

Já a força C, teve um ganhador sozinho. Pedro Luis de Carvalho foi o campeão desta força, embolsando R$ 8 Mil sozinho, sem racha.

Na força D, no Individual do gado aspado o campeão foi Fernando Fernandes, de Mandirituba – PR, com 20 voltas de laço.

Confira abaixo os campeões das demais modalidades:

Individual (gado mocho) força A – R$ 17 Mil:

1º Duzinho Biazon – SP
1º Pompilio Ramos – PR

Individual (gado mocho) força B – R$ 8 Mil:

1º Toral Jr – PR
1º Eder Barbosa – SP
1º Guilherme Viganó – PR
1º Diego Carvalho – SC

Laço Dupla – R$ 10 Mil:

1º Rodrigo Rodrigues e Kauã Boeno - RS
1º Angelito Hernandez e Kauã Boeno – RS
1º Eder Barbosa e Lucas Santos - SP/PR

Laço Trio – R$ 10 Mil:

1º Pedro Luis, Duzinho Biazon e Gustavo Sartorelli – SP

Parabéns a todos os campeões e envolvidos no duelo. Na proxima matéria uma analise do evento. 

19º Rodeio Crioulo Estadual e IV Jogos tradicionalistas


Nunca foi tão difícil entrar nos 10 mais


Terminou hoje às 8h desta segunda-feira (28), em Campos Novos - SC, o 19º Rodeio Crioulo Estadual e IV Jogos Tradicionalistas. Após uma longa disputa, onde foram jogadas 54 voltas, sem erro, ficou definida a seleção catarinense de laço, que irá disputar o Rodeio Brasileiro de Campeões.

Os 10 melhores laçadores de Santa Catarina escolhidos pelo MTG, são:

1 - Guilherme Mello - 3ª Região do MTG.
2 - Anderson Faversani - 2ª Região
3 - João Castelan - 6ª Região
4 - Perícles Molina - 2ª Região
5 - Daniel Muller, 7ª Região
6 - Eduardo Scaim, 13ª Região
7 - Júnior Simão, 5ª Região
8 - Gustavo Franchesci, 13ª Região
9 - Iago Schmuller, 1ª Região
10 - Felipe Souza – 9ª Região

Parabéns a esses feras pela vaga conquistada. Nunca foi tão difícil entrar neste seleto grupo, dos 10 mais.

Destaco também o feito da 2ª Região Tradicionalista, dos laçadores: Thiago Souza, Anderson Faversani, Nilmar Figueiredo, João Paulo, Claudiomar, Zanata Melo, Alberto Cruz, Gabriel CruzPéricles MolinaÉlio Chavez. Gurizada de Urubici, São Joaquim, Bom Jardim e Urupema. De 100 armadas jogadas, a 2ª RT converteu 98. Em 25 anos que frequento rodeios, nunca vi tal aproveitamento de uma seleção de 10 homens, em 100 armadas jogadas. Isso prova que o nível aumentou, e muito!!