Falando de Laço: Fevereiro 2018

Páginas

Resultados 1º Duelo de Mocho do Camboatá

Campeões Duelo Individual força alta
Em Triunfo/RS, destaque para Alan Soares, Juliano Souza, João Adam e Rodrigo Rodrigues - campeões do Duelo Individual força alta, com 32 voltas no gado mocho. Alan Soares e Juliano Souza chegaram com 2 vidas. Não errando armada na final desta modalidade. João Adam confirmou sua ótima fase, na Quinhéca semana passada foi o melhor laçador do evento, nesta semana João venceu novamente.

Outro que se destacou em Triunfo foi Luiz Henrique Francisquet, campeão do duelo individual força B, com 2 vidas e do laço duplas força alta, ao lado de Marcos Orso. Nas prendas destaque para Amanda Rossa, campeã do duelo de prendas e laço dupla força baixa.

Confira abaixo os principais resultados do 1º Duelo de Mocho do Camboatá:

Duelo Individual força Alta – R$ 35 Mil + um Reboque:
1º Alan Soares – RS (2 vidas)
1º Juliano Souza – RS (2 vidas)
1º João Adam – RS
1º Rodrigo Rodrigues – RS

Duelo Individual força B – R$ 15 Mil:
1º Luiz Henrique Francisquet (2 vidas)
1º Marcos Orso
1º Marcos Leandro

Duelo Individual força C - um Reboque:
1º Fabiano Viegas - RS (2 vidas)
1º Kim Camilo - RS
1º Wesley Marques - RS
1º Tiago Schnaider - RS

Duelo de Prendas força A:
1º Amanda Rossa - PR

Duelo de Prendas força B:
1º Natasha Wirtti
1º Vanessa

Duelo de Duplas força A – R$ 5 Mil:
1º Luiz Henrique e Marcos Orso
1º Lucas Forgiarini e Luan da Silva

Duelo de Duplas força B – R$ 3 Mil:
1º Thiago Souza e Alex Cunha
1º Samoel Recco e Amanda Rossa
1º Rafael Castro e Dionei Santos

Parabéns a todos!!

Principais Resultados do 6º Rodeio Estadual P.L Cabanha Quinhéca

Campeões laço equipe força alta
Neste final de semana acompanhei pela internet o 6º Rodeio Estadual da Cabanha Quinhéca, realizado no parque da Fenarroz, em Cachoeira do Sul – RS. Alguns amigos que lá estiveram, elogiaram muito a condução e organização do evento, que teve a participação de 145 quintetos. Destaque também para o nível de laço extraordinário da festa. Na Taça em duplas de sexta por exemplo, foram jogadas 73 voltas de laço, e o prêmio ficou dividido em duas duplas. No laço equipes foram 12 voltas para decidir o quinteto campeão. Essa quantidade alta de armadas é reflexo da qualidade dos laçadores, cancha e gado.



Alguns laçadores se destacaram dos demais, como: Luan da Silva, Lucas Forgiarini, Luiz Henrique, Angelito Hernandez, Alan Soares, Thaian de Avila, João Adam, entre outros. Aliás, João Adam jogou mais de 150 armadas e não errou. Todas que jogou, laçou! Exceto uma fortuita armada do Trio que o mesmo não estava no brete, na hora que teve seu nome chamado. Sendo que não havia retardatários ou recuperação de armadas. Portanto essa armada, mesmo não sendo jogada, foi marcada como NEGATIVA. Uma pena, se estivesse jogado a tal armada, com certeza sairia do rodeio invicto.

Confira abaixo os vencedores das principais modalidades:

Laço equipe força alta:
1º Ivo Neto, Thiago Souza, Pericles Molina, Angelito Hernandez e Joelcio Andrade
2º Lucas Forgiarini, Ariane Soares, Roberto Guerreiro, Luan da Silva e João Adam

Laçada da Marca:
1º Luiz Henrique
2º Leonardo Melo
3º Angelito Hernadez
4º Marcos Orso
5º Luan da Silva
(45 voltas para decidir o campeão)

Rainha dos Arrozais:
Força A – Mariana Criocari
Força B – Paula Barreto e Luana Moreira
Rainha dos Arrozais: Paula Barreto

Dupla do Rodeio força A:
1º Alan Soares e Thaian de Avila
1º Ibi Riguer e André Machado

Dupla de Sexta:
1º Alan Soares e Thaian de Avila
1º Lucas Forgiarini e Luan da Silva
(73 voltas nessa modalidade)

Dupla de Quinta:
1º Lucas Forgiarini e Luan da Silva
1º Alécio e Luiz Henrique
1º Roberto Guerreiro e João Adam

Trio força A:
1º Rodrigo Moreto, Edvaldo Oliboni e Gilson Santos
1º Adilson Ramos, Augusto Fettrin e Jonatan Costa

Parabéns a todos!!



40º Rodeio Nacional de Campo Bom

De 02 a 11 de Março de 2018, acontece um dos eventos mais aguardado do estado do Rio Grande do Sul e Brasil. É a 40º edição do Rodeio Nacional de Campo Bom, realizado pelo CTG Campo Verde. Ressalto esse evento como um dos melhores da atualidade. Rodeio completo, contém provas campeiras, danças artísticas, shows e bailes. Como carro chefe, destaco sua organização: Sempre impecável.

Sua premiação oferecida aos participantes supera os R$ 100 Mil reais, somando todas as modalidades. Diante disso são esperados em torno de 1000 laçadores - 500 duplas.

Confira abaixo a programação completa:


Os catarinenses que se destacaram no Internacional de Vacaria

Daniel Damaceno e Diego Carneiro campeões da Taça RBS/TV
No meio dos melhores laçadores do Brasil, alguns catarinenses tiveram boa atuação no 32º Rodeio Internacional de Vacaria. Sendo eles: Diego Carneiro, campeão em duas modalidades, (Taça RBS e laço Guri.) Gilmar Santos e Adelar Santos, também venceram duas modalidades, (dupla força B e laço de irmãos.) Rodrigo Guesser e Emerson Guesser (força C e laço de irmãos.) Junior Cordova, patrão de CTG e Crioulaço. Maico Delfes, Taça RBS e Taça Haras Virginia. Gabriel Pereira, Pai e Filho e Crioulaço. 

Destaque também para prenda Camila Gheno, campeã do laço Prendas e laço Quarto de Milha, categoria amador. Na gineteada subimos no pódio mais alto com o ginete de São José/SC, Leonardo Marques

Parabéns aos catarinenses, que brilharam no meio de milhares, no Rodeio de Vacaria!


Os destaques dentro de cancha do 32º Rodeio Internacional de Vacaria

Os dois melhores laçadores individualmente do 32º Rodeio Internacional de Vacaria foram Rudah dos Passos e Clayton Silva, ambos passaram os 8 dias de rodeio invicto, sem errar armada. Rudah foi campeão em três modalidades: Taça Haras Virginia, Laço Quarto de Milha e Seleção de estado. Clayton em duas: Laço de Irmãos e dupla oficial força alta.

O terceiro destaque fica por conta de Mario Neto, vice-campeão em 2016, que deu a volta por cima e se consagrou campeão internacional em 2018. Levou para casa o titulo mais almejado de todos!

Angelito Hernandez também foi campeão em três modalidades: Equipe, seleção de região e seleção de estado.

A dupla mais regular do rodeio, e uma das que mais ganhou dinheiro na festa, foi Lucas Vanaz e Alan Ferraz, campeões da Taça RBS/TV e finalista da dupla oficial, entrando no racha da camionete VW Amarok. Vanaz e Ferraz embolsaram mais de 30.000,00 reais no rodeio.

Curiosidades: Quatro duplas dividiram a camionete Amarok: Mario Neto e Clayton Silva – Hércules Camargo e Luciano Camargo – Lucas Vanaz e Alan ferraz – Pablo Frosa e Israel Freitas.

No laço quarteto a equipe campeã ganhou o carro sozinho, sem racha. Equipe essa formada por Angelito Hernandez, Kauã Boeno, Gilnei Padilha e Saymon Cavalli - CTG Presilha Cruzaltense - Cruz Alta - RS.

Parabéns a esses competidores pela grande atuação no 32º Rodeio Internacional de Vacaria. Foi show.


Crônica do 32º Rodeio Internacional de Vacaria

Começo minha analise sobre o rodeio de Vacaria dizendo que o mesmo é imperdível. Não quer dizer que seja perfeito, que não tenha falhas. Vacaria nesta edição teve falhas sim que precisam ser mencionadas. Por exemplo: Taça Haras Virginia e RBS de pelotões. Fazendo com que a campeira se torna-se 24h durante 4 dias. Sendo desta forma cansativo para todos. Penso que uma ficha inscrita para cada laçador seria o ideal, nestas circunstancias. Pois o numero de duplas inscritas ficaria próximo do desejado, evitaria filas na secretaria e economizaria tempo e gado de quatro finais. Taça de pelotões se encaixa bem em rodeios de pequeno porte.  Não é o caso de Vacaria.

Outro ponto é a respeito da semifinal de força alta, principal modalidade do rodeio. Sendo esta na madrugada de sábado para domingo, com gado de qualidade inferior. Esse rodeio de Vacaria deve ter arrecadado mais de 2 milhões em inscrições. Desta forma penso que deveriam ter investido um pouco mais na qualidade do gado, principalmente de sexta da segunda semana em diante. Conhecendo a patronagem do Porteira do Rio Grande, com certeza estes pontos serão revistos e sanados para a próxima edição, em 2020.



Vacaria é a copa do mundo do laço e não adianta. Houve também vários acertos neste evento que precisam ser elogiados por nós: Premiação recorde se aproximando dos 500 mil reais, transmissão ao vivo pela internet com 3 canais, artística, campeira e concha acústica. Sendo feita esta transmissão pelo Canal Fan, um dos mais conceituados do rodeio. Tirando o rodeio da cidade de Vacaria e levando até a casa das pessoas. Sendo audiência recorde.

Gado das finais de domingo à tarde, de propriedade do seu Rui Barcelos, de excelente qualidade. Boiada grande, xucra e aspada, raramente vista em outro rodeio, que não seja Vacaria. Presença do público em alta, lotando todas as dependências do parque. Nível de laço altíssimo, reunindo laçadores de 13 estados brasileiros e até outros países como: Paraguai. Comercio e vendas de produtos e "traias" em alta. Vacaria é um rodeio completo, que reuni desde os melhores laçadores, até os melhores ginetes, narradores, dançadores, declamadores, etc.

Vacaria é diferente amigos!!

Voltaremos lá em 2020 com certeza.


Resultados do 32º Rodeio Internacional de Vacaria

Campeões Taça RBS/TV
Terminou domingo dia 04 de fevereiro o 32º Rodeio Internacional de Vacaria. Foram 8 dias de festa contando com a presença de laçadores dos mais variados e longínquos pagos. Foram jogadas mais de 30 mil armadas na cancha da ferradura. Na secretaria foram registradas mais de 7500 inscrições, somando todas as provas campeiras. Uns levaram um bom dinheiro para casa, outros deixaram sua contribuição ao CTG Porteira do Rio Grande. Confira abaixo os premiados desta edição:

Laço Dupla oficial do rodeio – força A – 01 camionete Amarok:
1º Mario Neto e Clayton Silva - Fazenda Rincão da Lagoa – Lagoa Vermelha – RS

Força B – 01 Saveiro:
1º Yuri Teixeira e Lucas Forgarini - Porteira do Litoral – Terra de Areia/RS
1º José Felipe Gomes e Gerson Vieira - Querência Nova – Fraiburgo/RS
1º Adelar dos Santos e Gilmar dos Santos - Esteio da Tradição – Barra Velha/SC
1º Edvaldo Oliboni e Rodrigo Moretto - Porteira da Coxilha – Coxilha/RS

Força C - 01 automóvel Gol:
1º Luiz Carlos Passarela e Alex Sandro Correa Passarela - CTG do Preto – Tubarão/SC
1º Diamiro Nunes e Osvaldo Cardoso - Tropeiros de Telêmaco Borba – Telêmaco Borba/PR
1º Rodrigo Guesser e Emersom Guesser - Tropeiros do Laço – Timbó Grande/SC
1º Fernando Rierti e Lucas Rodrigues - Alexandre Pato – Lagoa Vermelha/RS
1º Ismael Gaspartto e Lucas Taborda - Porteira do Pinhal – Pinhalzinho

FORÇA D – 01 Moto Fan CG 0km:
1º Dalvi longui e Flavio Longui - CTG Cabanha Canhada Funda (Vacaria/RS)
1º Alan Coutinho e Darlan Poeta Nunes - CTG Arno Markus (Paverama/RS)
1º Assis Roveda e Luis Sérgio Silva - CTG Planalto Capoense (Muitos Capões/RS)
1º Luciano Pacheco e Ronaldo Pacheco - CTG Otávio Lopes (Gramado/RS)
1º Lucimar Taruhm e Ademar Taruhm - CTG Herança de Tropeiro (Capão Alto/RS)
1º Juarez Meneguzi e Vinicios Storch - CTG Carreteiros da Rondon (Caxias do Sul/RS)

TAÇA RBS/TV - 01 automóvel Gol 0KM:
1º Lucas Vanaz e Alan Ferraz - Caxias do Sul/RS
1º Diego Carneiro e Daniel Damaceno - Campo Belo do Sul/RS
1º Joelcio Andrade e Maico Delfes – Caxias e Campo Belo do Sul

Laço Quarteto 1º lugar: 01 automóvel VW Gol:
1º Angelito Hernandes, Kauã Boeno, Gilnei Padilha e Saymon Cavalli - Presilha Cruzaltense Cruz Alta/RS

Laço Dupla Cavalo Crioulo - 1 Reboque Vicenzi:
1º Marcio Orso e Marcos Orso - Bento Gonçalves/RS
1º Tiago Souza e Péricles Molina - Campestre Catarinense – Urubici/SC
1º Gabriel Pereira e Junior Cordova - Os Araganos – Lages/SC
1º Giovane Teixeira Eduardo Wolmer – Guarapava/PR

Laço Dupla Cavalo Quarto de Milha- CATEGORIA ABERTA 01 Reboque para dois cavalos + R$ 10.000,00
1º Toral Junior e Lucas Santos – Paraiso do Norte/PR
1º Gilson Santos e Rudah Passos - Coxilha/RS
1º Alan Soares e Thaian de Avila - Coxilha/RS
1º Ricardinho Kuczera e Matheus Gonçalves – São Mateus do Sul/PR

CATEGORIA AMADOR 01 Potro QM PO + 10.000,00:
1º Camila Gheno e Mariana Borges - Xaxim e São José/SC
1º Rogério Godinho e Rodrigo Mario da Rosa - Santa Maria/RS
1º Eder Schmitz Eder Schmitz Filho - Luis Alves/SC
1º Everaldo Reginatto Rodolfo Baldasso - Caxias do Sul/RS

Laço Pai e Filha - 1 Vaca Mecânica:
1º Beto Soares e Ariane Soares - Porteira da Coxilia
1º Antônio Mendes e Fabiana Mendes - Rincão dos Mendes
1º Gilmar Mendes e Giancarla Mendes - Rincão da Saudade

Laço Dupla de Irmãos 01 Moto Honda CG Fan 0 km:
1º Adelar e Gilmar Santos - Esteio da Tradição – Barra Velha/SC
1º Emerson e Rodrigo Guesser - Tropeiros do Laço - Timbo Grande/SC
1º Eldir e Diego Rigon - Vacaria/RS
1º Clayton e Claudio Silva - Lagoa Vermelha/RS

Laço Pai (mãe) e filho – 15 ou mais 01 Moto Honda CG Fan 125 0Km:
1º Alexandre e Augusto Heen - CTG Boca da Serra - Santo Amaro da Imperatriz/SC
1º Antônio e Fernando Mendes - Rincão dos Mendes – São José do Ouro/RS
1º Eder e Gabriel Pereira - Alma Serrana – Lages/SC

Laço Prenda:
1º Eduarda Lima - Tupanciretã/RS
1º Bruna Teixeira - São Francisco de Paula/RS
1º Taine Ribeiro - Monte Carlo/SC
1º Camila Gheno - – Campos Novos/SC

Laço Prenda Juvenil:
1º Taila dos Santos - Passo Fundo/RS
2º Andrezza Farrapo - Pilar do Sul/SP
3º Estefani Duarte - Figueira Velha

Laço Prendinha:
1º Fiorela Gimenez - Paraguai
2º Luísa Bergamo - Rincão dos Bérgamos - São José do Ouro/RS
3º Letícia Mezzomo - Estância do Canhadão - Xaxim/SC

Laço Guri:
1º Diego Carneiro - Presilha Campobelense – Campo Belo/SC
2º Kauã Boeno - Presilha Cruzaltense – Cruz Alta/RS
3º João Paulo Duarte - Esteio da Tradição – Barra Velha/SC

Laço Piá:
1º Pedro Brito - Serra Fronteira – Canela/RS
2º João Victor - Serra Fronteira – Canela/RS
3º Dias Junior Borges - Anita Garibaldi – Lages/SC

Laço Veterano:
1º João de Moura - Nativos do Atlântico – Erechim/RS
2º Aldo Souza - CTG Beira Rio – São Ludgero
3º Jurandir Baldasso - Estância Alegre - Caxias do Sul/RS

Laço Vaqueano:
1º Hercilio da Silva - Nativos do Rio Grande – Erechim/RS
2º Ramos Dante Lan - São Francisco de Paula/RS
3º Antônio Rodrigues - Caxias do Sul/RS
Laço Geração:
1º Evelcino Neto, Adriano Neto, Marino Neto - Piquete Família Neto – Correia Pinto/SC
2º Orli Bergamo Paulo Bergamo Luís Otávio Bergamo - Rincão dos Bergamo – Barracão/SC

Laço Patrão de CTG:
1º Alisson Rafael de Souza - CTG Fazenda Silva Neto – Canelinha/SC
1º José de Liz Cordova - Os Araganos – Lages/SC

Taça Cidade de Vacaria Haras Virgínia:
1º Gilson Santos e Rudah dos Passos - Porteira da Coxilha – Coxilha/RS
1º Joelcio Andrade Maicon Delfes – Caxias do Sul/RS
1º Bruno Schioquet Bernardo Schioquet - Marca Tetéia – Reserva do Cabaçal/MT

Laço Seleção Regiões – 01 Automóvel VW Gol 1.0 0Km:
1º Roberto Guerreiro, Angelito Hernandes, Felipe Rodrigues, Rick de Canto, Gilnei Padilha, Thiago Soares, Fabiano Machado, João Adam, Kauã Bueno e André Machado - 9ª Região do Rio Grande do Sul

Laço Seleção de Estado:
1º Rio Grande do Sul

Parabéns a todos os premiados!


Mario Neto e Claiton Silva os campeões do 32º Rodeio Internacional de Vacaria

Dupla de laçadores que representa o piquete Fazenda Rincão da Lagoa, de Lagoa Vermelha – RS foi à vencedora da maior premiação no 32º Rodeio Internacional de Vacaria. 

Mario Neto e Claiton Silva venceram o laço duplas força alta, que tinha como premio uma camionete Amarok avaliada em R$ 140 Mil. 619 duplas vindas de todos os cantos do Brasil participaram do evento, fazendo com que o nível de laço fosse altíssimo. A disputa final, ontem a tarde começou com 15 duplas, e contou com a presença maciça do publico, que lotou a pista e as arquibancadas do parque Nicanor Kremer da Luz. Após uma disputa emocionante e 40 voltas de laço: Mario Neto e Claiton Silva bateram Hercules Camargo e Luciano Camargo – Lucas Vanaz e Alan Ferraz e se consagraram os campeões da vacaria de 2018. Vale lembrar que Mario Neto havia sido vice-campeão na edição anterior em 2016, ao lado de Genauro Cortes. Nesse ano retornou e subiu ao pódio mais alto do rodeio.

Meus sinceros, PARABÉNS!!