Páginas

2º Duelo do Boi Mocho

Campeões duelo de duplas
Aconteceu também neste final de semana na cidade de Cruzeiro do Iguaçu – PR, na Fazenda Sinuelo, da família Viganó, o 2º Duelo do Boi Mocho. Evento teve três dias de duração e contou com a presença de alguns dos melhores laçadores do Brasil. Eram 50 duplas inscritas antecipadamente e 100 inscrições no laço individual. A premiação distribuída foi de R$ 44 Mil, sendo 30 mil nas duplas – R$ 10 mil no Individual e mais R$ 4 mil no individual de sexta feira - para esquentar o braço.

Uma coisa que chamou a atenção foi o nível alto de laço durante as provas. No Duelo em duplas foram jogadas 35 voltas, totalizando 70 armadas a dupla, sendo gado mocho. Cada dupla iniciava a modalidade com 5 vidas, sendo guardada. Ao final da prova restaram 3 duplas que dividiram a premiação de R$ 30 mil, sendo eles: Eder Barbosa e Gustavo Sartorelli – SP (com as 5 vidas) – Alan Soares e Thaian de Avila - RS (com 4 vidas) e Eduardo Wolmer e Vonei Silva – PR, (com 2 vidas.) Sendo assim Eder e Gustavo não erraram nenhuma armada na modalidade. Alan e Thaian perderam um único boi. 

Que aproveitamento amigos!

No Duelo Individual o aproveitamento seguiu no mesmo ritmo, sendo jogadas 84 voltas de laço. Vou repetir: 84 voltas de laço, no gado mocho. Sendo que iniciava a prova com 2 vidas, sendo guardada. Os campeões foram: Cássio Pianaro – PR (com 2 vidas,) Toral Jr – PR e Kauã Boeno – RS. 

Portanto nesta modalidade Cássio não errou armada.



No Individual de sexta os campeões foram: Lucas Santos – PR, Matheus Gonçalves – PR, Duzinho Biazon - SP e Thaian de Avila – RS, com 27 voltas de laço.
Quem lá esteve disse que a qualidade do gado foi fantástica.


Os dois maiores pontuadores do evento foram: Thaian de Avila que chegou a jogar 121 armadas sem errar, e Cassio Pianaro jogou 116 armadas sem errar, a fio.


Parabéns a esses monstros. Essa é a seria A do laço comprido!

Nenhum comentário:

Postar um comentário