Páginas

Gado mocho e inscrições antecipadas, a laçada da vez

Vocês notaram a quantidade de laçadas que tivemos de gado mocho, na região sul neste último ano? Me arrisco a dizer que o gado mocho se tornará em breve uma preferência entre os organizadores e competidores. Em SC e RS, por enquanto tem acontecido algumas laçadas. No Paraná teve rodeios completos com a utilização de gado mocho, como: São João do Triunfo, Nova Laranjeiras, Cruzeiro do Iguaçu e Turvo. Na região Centro Oeste, RO, GO, este tipo de gado é preferência, sendo utilizado em mais de 90% das festas.

No Sul, para o 1º semestre de 2018 já tem seis festas programadas para acontecer no gado mocho: Haras Virginia, Portão/RS – Duelo Caboatá Triunfo/RS – Duelo em Joia/RS, Duelo Entre Amigos, Curitiba/PR - 10º Rodeio Crioulo, Três Barras/PR e 2º Rei do Mocho, Bom Jardim da Serra/SC.

Portanto é notável o crescimento do gado mocho!

Na minha opinião particular a utilização do gado mocho é muito melhor que encurtamento ou alongamento de raia. E vou dizer porque: Porque mantém as características da criação do Tiro de Laço, que foi criado a campo aberto, depois ganhou 100 metros de raia. Porém oferece uma dificuldade MAIOR, hoje necessária devido a qualidade dos laçadores.
Sem contar que a emoção de uma final se torna muito maior, tanto para os competidores, quanto para os espectadores que assistem. Outro ponto favorável, é que faz cair drasticamente o número de armadas. O aproveitamento dos competidores cai bastante, comparado com gado aspado. Não se engane, tem dado 40, 50 voltas, mas é com vida guardada. 2, 3 no mínimo. Se for vida seca a dificuldade do gado mocho é maior que raia curta nos 40 metros.

Raia curta nos 20 metros já é loteria, em que o competidor está à mercê da sorte, de um boi lerdo ou ligeiro, sair pra si, ou seu adversário.

Gado mocho e inscrições antecipadas, duas coisas que chegaram para ficar no mundo do laço!! 

PODE APOSTAR!



Recentemente fiz uma enquete no Facebook sobre esse tema. A pesquisa apontou uma leve vantagem na preferencia do gado mocho 54%, ao invés de raia curta 46%. A pesquisa foi realizada entre os dias 14 a 24 de Dezembro de 2017, e contou com a participação de 2200 pessoas.

Resultados 1º Festa do Laço Estância São Miguel

Segue os resultados da 1º Festa do Laço da Estância São Miguel, que aconteceu neste final de semana, na cidade de Ciqueira Campos – PR:

Duelo força A – 1 Fusca:
1º Nho Dico
1º Eder Barbosa

Duelo Força B:

1º Gustavo Garcia
1º Neto Pereira
1º Amadeu Ferreira

Duelo Força C:

1º Ruan Cesar

Duelo Força D:

1º Felipinho
1º Lauro

Laço Feminino:

1º Paula Mendonça 2 vidas
1º Aline Rodrigues
1º Yasmin Blum

Campeões da 1º Raspadinha:

Eder Barbosa 2 vidas - João Francisco e Mário Gelo

Laço Quarteto:

Fernando Felipe, André Felipe, Ricardinho e Lipe

Vaca Gorda sexta feira força B:

1º Nho Dico
1º Lucas fadel
1º Tuco

Vaca Gorda em Duplas:

1º Matogrossinho e Paulo Nelesso
1º Juliano Leme e Gustavo Fernando.

Parabéns a todos!

2º Rodeio Crioulo Nacional do Bi

Terminou ontem por volta das 22h na cidade de Urubici – SC, o 2º Rodeio Crioulo Nacional do Bi. 117 equipes estiveram presentes participando da festa. Estive esse ano nas três festas que teve em Urubici, e todos tiveram uma coisa em comum: horário de termino acima das 21h de domingo. Um erro crucial no meu ponto de vista foi determinante para que o evento terminasse essa hora: Reabertura das inscrições da Taça, na sua fase classificatória domingo de manhã, (aproximadamente 70 inscrições retornaram a pista para laçar a classificatória.) Penso eu que domingo é dia de finais!

Dentro de cancha destaque para Josué de Souza e Renan Simão, campeões de três modalidades, ganhando assim duas moto zero quilometro. Renan Simão foi o melhor competidor do evento, passando o rodeio invicto. Sem errar armada.

Confira abaixo os principais vencedores do 2º Rodeio Crioulo do Bi:

Laço Equipe Força A – 1 Moto:
1º Josué de Souza, Juninho Simão, Romolon Fernandes e Renan Simão – CTG Do Preto – Pescaria Brava/SC.

Taça Aldo Figueiredo – 1 Moto:
1º João Eder e Silvio Neto – CTG Faz Silva Neto
1º Pedro Paulo e Tiago Muniz – CTG Os Araganos
1º Leonardo Jacob e Hélio Chavez – CTG Campestre Catarinense

Taça Fazenda Schurhaus Força A – R$ 3 Mil:
1º Josué de Souza e Renan Simão – CTG Do Preto
1º Gracilio Montibeller e Flavio Guilherme – CTG Boca da Serra

Taça Frutícola Cechinel – R$ 2 Mil:
1º Josué de Souza e Renan Simão – CTG Do Preto
1º Ederson Ramos e Neno Matos – CTG Do Preto

Parabéns a todos!

Resultados 29º Festa Campeira CTG Coxilha de Ronda – Santiago – RS

Aconteceu neste final de semana que passou entre os dias 07,08,09 e 10 de Dezembro a 29º Festa Campeira Realizada pelo CTG Coxilha de Ronda, em Santiago – RS. 216 quintetos participaram da festa. Sendo com este número expressivo  de participantes um dos maiores rodeios do ano. Confira abaixo os principais resultados das provas campeiras:

TAÇA SICREDI CIDADE DE SANTIAGO:

1º Angelito Hernandez e Kauã Boeno
2º Rodrigo Rodrigues e Ricardo Astigarraga
3º Willian Martins e Claiton Flores

TAÇA ANTONIO VIVALDINO – Trio:
1º Alan Soares, Rudah dos Passos e Thaian de Avila
2º Rodrigo Rodrigues, Alzevir Rodrigues e Ricardo Astigarraga
3º Adilson Ramos, Willian Dias e André Machado

LAÇO EQUIPE - 1ª FORÇA:
1º Alan Soares, Gilson Santos, Adilson Ramos, Rudah dos Passos e Thaian de Avila.
2º Willian Dias, Felipe Rodrigues, Gilnei Padilha, Fabiano Machado e André Machado.
3º Cristio Antunes, Lucas Peronio, Kauã Boeno, Angelito Hernandez e Saymon Cavalli.

LAÇO EQUIPE - 2ª FORÇA:
1º Eduardo Maucelo, Carlos Miguel, Marcos Malavolta, Robson Marques e Alisson Pires.
2º Rodrigo, Vilson Amaral, Matheus Fumaco, André e Antero.

2ª PROVA DE LAÇO INDIVIDUAL DON TEJU E ITAÓ – FORÇA A - 1 Carro 0 KM:
1º Jacir Jovaski – 2 vidas
1º Alan Soares – 1 vida
1º Thaian de Avila – 1 vida

Força B – 1 Moto 0 KM:

1º Ricardo Astigarraga – 1 vida
1º Felipe Aquino – 1 vida

Força C – 1 Moto 0 KM:
1º Higor Silva – 1 vida
1º Ariel Soares – 1 vida

DUELO DE PRENDAS:
1º Luiza Reis
2º Helen Costa
3º Paula Barreto.

Parabéns a todos!!

Gustavo José Lohn vence o 2º Rei do Laço do CTG Fazenda Silva Neto

Gustavo Lohn rei do laço 2017
Aconteceu neste sábado dia 09 de Dezembro a 2º edição do Rei do Laço, no CTG Fazenda Silva Neto, em Canelinha – SC. 122 laçadores foram os que garantiram sua inscrição antecipada e se credenciaram a participar da laçada.

Na força alta força alta foram 27 inscrições. Destes vinte sete, 15 fizeram as 10 armadas da fase classificatória. Na final, após muita disputa e 67 armadas jogadas no total, os dois laçadores que ainda restavam na disputa entraram em acordo e Silvio Duarte Neto, que representa a casa, cedeu o título de Rei do Laço 2017 a Gustavo Lohn, representante do CTG Boca da Serra, de Santo Amaro da Imperatriz.

Parabéns aos dois competidores. Laçaram muito!

Campeões força B
Na força B, 58 laçadores optaram por disputar R$ 2800,00. 42 deles conseguiram laçar acima de oito bois e passaram na fase classificatória, fazendo assim a grande final. Após mais 22 voltas de laço saiu os quatro premiados. Sendo eles: Marcio Vales, Rafael AlvesJurandir Machado e Matheus Silva.

Campeões força C
Na força C, dos 37 inscritos, 24 conseguiram sua classificação. Na final foram necessárias mais 6 voltas para decidir os cinco campeões. Sendo eles: José Jair, Alexandre Narrações, Felipe Santana, Mateus Varela e João Vitor. Nesta força Alexandre se consagrou Bicampeão. 

Agradecemos a presença de todos, e parabenizamos os campeões do 2º Rei do Laço.


2º Duelo de Laço Wagner Neumann

Campeões Laço Dupla Milionaria
Estive neste final de semana na cidade de Turvo – PR, participando do 2º Duelo de Laço Wagner Neumann. Estive lá durante quatro dias, e agradeço a hospitalidade do povo Paranaense. Foram dias agradáveis em que tive a oportunidade de conhecer e conversar com pessoas de muita grandeza no mundo do laço, como: Artidor Soares, Wagner Neumann, Toral Jr, Lucas Santos, entre outros, que enriquecem o nosso esporte.

No que se refere a organização o evento foi muito bem conduzido e administrado pela casa. 86 laçadores profissionais estiveram presentes disputando o Individual Milionário e o laço Duplas. A premiação oferecida aos competidores se aproximou dos R$ 60 mil reais. Teve também laço Amador e laço Municipal valorizando assim estas respectivas categorias. O gado mocho disponibilizado para correr foi de boa qualidade. Havia vários lotes, aproximadamente 530 cabeças passaram em pista durante os quatro dias de rodeio. O lote mais qualificado correu ontem nas finais. Aliás as finais foram realizadas em horário nobre, iniciando as 13h30min e terminado por volta das 17h. Os internautas puderam acompanhar tudo de casa, através do Canal Fan. 

Realmente uma baita festa!

Segue abaixo os principais resultados:

Publicidade


Laço Dupla – R$ 20 Mil:
1º Toral Junior e Lucas Santos – PR
1º João Eder e Silvio Neto – SC (com 2 vidas)

decidido com aproximadamente 17 voltas de laço.

Laço Individual Milionário – R$ 20 Mil:

1º Diego Oliveira – PR (com 2 vidas)
1º Lucas Santos – PR
1º Silvio Neto – SC.

Decidido com 45 voltas de laço.

Laço Amador – R$ 5 Mil:

1º Joãozinho - PR

Laço Municipal – R$ 5 Mil:

1º Luís Antônio – Turvo - PR

Laço Prenda:

1º Amanda Rossa - PR (com 5 vidas)
1º Anya Vitoria Lagni (com 1 vida)

Trios – R$ 3 Mil:

1º Aquiles Pereira, Willian Dias e André Machado - SC/RS

Taça em duplas de Quinta – R$ 3 Mil:

1º Flávio Carneiro e Felipe Fiacosque – PR.

Individual esquenta braço – R$ 1 Mil:

1º Toral Jr – PR
1º Mauricinho Paraguai – MS
1º Eduardo Wolmer – PR
1º Eduardo Perdoná - SC
1º Eder Barbosa – SP.

Os Melhores: Dentro de cancha quem mais laçou e ganhou dinheiro foi Silvio Duarte Neto e Lucas Santos, campeões das duas principais laçadas do evento. Outro destaque foi Diego Oliveira (amendoim), campeão do Individual Milionário com 2 vidas.

Parabéns a todos e espero voltar em breve ao Paraná!

Resultados do 1º Duelo de Laço RR Bueno e Boiada JF

Campeões do Duelo força A
Aconteceu neste final de semana na cidade de Sangés – PR, o 1º Duelo de Laço RR Bueno e Boiada JF. Confira abaixo o resultado das principais provas de laço:

Campeões da laçada dos 60 primeiros do duelo valendo 500,00 reais:
João Francisco
Duzinho Biazon
Marcinho Teixeira

Campeões da dupla valendo R$ 2000,00:

João Francisco e Duzinho Biazon
João Guilherme e Gustavo Sartorelli

Campeões Individual força B:
Dalua
Neto Pereira
Juninho Silva

Campeões do Individual força A:
Gustavo Sartorelli
Duzinho Biazon
Henrique Ferreira

Campeões da Raspadinha:
Cassiano Carvalho

Campeão do Mirim:

Bernardo

Campeões Feminino:

Paula Mendonça
Ingrid Castilho

Campeão Juvenil
Leonardo Cleto

Campeões do Duelo RR Bueno e Boiada JF força C valendo R$ 2000,00:

Daniel Moreira
Neto Pereira
Júnior bajuca
25 voltas

Campeões do Duelo RR Bueno e Boiada JF força B valendo R$ 3000:

Juninho Silva
Luís Marcelo Metling
35 voltas

Campeões do Duelo RR Bueno e boiada JF forca A valendo R$ 5000,00:
Éder Barbosa com 2 vidas
Cassiano Carvalho com duas vidas
Luan Morais com 1 vida - Foram jogadas 61 voltas para definir.

Destaque para Éder Barbosa e Cassiano Carvalho que na laçada principal não erraram armada.

Os laçadores presentes acharam o gado muito bom, fazia tempo que não corria um gado assim na região. Outro ponto a ser destacado foi o número alto de voltas, sendo um recorde na região norte do Paraná.

Parabéns aos campeões.

Dicas - Falando de Laço

Imagem ilustrativa
Sabe qual o primeiro fundamento que um laçador tem que desenvolver?

- A pontaria

Sabe porquê?

Porque não adianta ter cavalo bom, laço bom, companheiro bom, sair boi bom no brete e você falhar no arremesso.

Portanto esse é o primeiro fundamento a ser trabalhado, melhorado e desenvolvido, por um laçador.

Como adquirir e melhorar sua pontaria? Treinando de forma correta. Laçando!

Existe três ferramentas muito utilizadas que podem ajudar na sua carga de treinos:

1 – Vaca parada – Dê preferência e utilize sempre o laço, exceto em momentos de recreação. Aliás não será com a corda que você irá competir. Muito boa para iniciantes. Não é bom um iniciante pular essa etapa. A cavalo você terá bem mais dificuldades. Lembre-se, quando o laço vem de berço é na vaca parada que tudo começa.

2 – Vaca Mecânica – Vai te dar uma boa base em movimento e te ajudará a criar uma sintonia entre cavalo e cavaleiro. Lembre-se, a vaca mecânica anda sobre rodas e não galopando. Isso faz dela muito mais fácil que o gado.

3 – Gado – O treino mais completo. Te ajudará a desenvolver todos os fundamentos e sentidos necessários.

Importante: Nos três módulos de treino (vaca parada, mecânica e gado,) inicie com a vaca grande e aspada e vá diminuído gradativamente, a vaca ou as aspas dela. Treine até chegar no módulo mocho e siga diminuído. Mocho grande, médio e pequeno. Quanto mais dificuldade melhor. Isso te ajudará no desenvolvimento e melhoramento de sua pontaria.

Coloque uma coisa em sua cabeça: Se você não pegar 10, 20, 30 armadas com a vaca parada, ou mecânica sobre rodas, como você pegará isso com ela correndo. Se você não pegar 10, 15, 20, boi aspado, como pegará isso no gado mocho.

No próximo texto falarei sobre a armada perfeita. Até a próxima.



1º Rodeio Crioulo Festa do Migrante

Campeões laço equipes força alta

Terminou ontem dia 13 por volta das 07h da manhã a 1º Festa do Migrante, em Anita Garibaldi – SC. 113 equipes estiveram presente participando da festa. Na Taça cidade em duplas valendo um carro da marca Fiat Mobi foram 350 inscrições.

BFL Super Sincero: Foi o primeiro rodeio neste novo parque de Anita Garibaldi. Portanto algumas falhas ocorreram. A principal delas foi o atraso das principais modalidades. O laço equipes por exemplo começou domingo após as 14h da tarde. Com isso as finais atrasaram e se arrastaram até a madrugada e manhã de segunda feira. Só não foi mais longe porque as finais da taça e individual foram decididas no gado mocho.

Como ponto positivo destaco a premiação e o preço das inscrições. Foi possível laçar valendo um carro 0KM pagando somente 100,00 de inscrição. O parque de exposições de Anita, mesmo que construído às pressas é bom e estruturado. As premiações foram todas entregue sem alterações, conforme dizia previamente o convite.

Espero que Anita sirva de exemplo para serra se modernizar no quesito organização e horários. É inadmissível que um rodeio de pouco mais de 100 equipes termine na segunda feira.

Dentro de cancha as disputas foram acirradas. Alguns laçadores de outros estados como: SP, PR, RS, estiveram presentes e deram maior brilho e competitividade a festa. Destaque para Marlon Costa e Eder Pereira, campeões do carro e equipe força B.

Confira abaixo os principais resultados do 1º Rodeio Crioulo Festa do Migrante:

Laço Equipe força A – R$ 3 Mil:
1º Gabriel Pereira, Pedro Paulo, Tiago Muniz e Junior Cordova – CTG Os Araganos – Lages – SC.

Laço Equipe força B – R$ 2 Mil:

1º Donizete Borges, Marlon Costa, Matheus Damasceno e Eder Pereira – CTG Alma Serrana – Lages – SC.

Laço Equipe Força C – R$ 1 Mil:

1º Itamar Melo, Junior Oliveira, Antonio Marcos Biavatti e Leandro Rafaeli – CTG Faz. Rincão da Lagoa

Taça Cidade – 1 Carro 0KM:

1º Marlon Costa e Eder Pereira – CTG Alma Serrana
1º Emerson Guesser e Célio Roberto – CTG Faz. Campo Alegre
1º João Eder e Silvio Neto – CTG Faz. Silva Neto

Duelo Bergamo Veículos (Individual) – R$ 5 Mil:
1º Eder Barbosa – SP
1º Gustavo Sartorelli – SP
1º Maico Delfes – SC
1º Junior Oliveira – RS
1º Ricardo Kuczera – PR.

Parabéns a todos!


Resultados do Duelo e Rodeio de Santa Rosa – RS

Créditos da imagem: Ju Marin
Quinta dia 09 estive na cidade de Santa Rosa, missões do Rio Grande do Sul. Fui lá participar e acompanhar o 1º Duelo das Bombanchas Clube do Laço e Logal Logística, valendo R$ 60 Mil. Grande parte dos melhores laçadores do Brasil estiveram presentes participando e disputando essa generosa premiação. 108 foi o número de laçadores inscritos nesta modalidade.

Dentro de cancha destaque para Alan Soares e Rafael Rodrigues, campeões da força alta com duas vidas cada. Na força A foram jogadas 64 voltas, sendo 3 vidas (guardada) na final, para decidir os campeões. Na força B, foram aproximadamente 30 voltas.

Foi bonito de ver as feras usando todos seus recursos e habilidades no gado mocho.

Alan Soares - mostrou mais uma vez ser um laçador diferenciado neste tipo de gado. O homem a ser batido no gado mocho.

Jacir Jovasque e Rafael Rodrigues, mostraram para o Brasil que são verdadeiras feras.

Cássio Pianaro – está numa fase incrível. Errei quando não citei seu nome entre os 11 melhores no 1º semestre.

Kauã Boeno – Já deixou de ser promessa faz tempo. É uma realidade. Essa foi sua segunda laçada de mocho vencida em menos de 30 dias.

Rafael dos Santos – Conheci agora em Santa Rosa. Pelo seu nível de atuação, mostrou ser mais uma fera dentre tantas, existentes neste Brasil.

Veja abaixo os principais resultados do rodeio:

Duelo Bombachas Clube do Laço – Força A – R$ 45 Mil:

1º Kauã Boeno – 1 vida
1º Jacir Jovasque – 1 vida
1º Rafael Rodrigues – 2 vidas
1º Cassio Pianaro – 1 vida
1º Rafael dos Santos – 1 vida
1º Alan Soares – 2 vidas

Cada vida embolsou a quantia de R$ 5.625,00.

Duelo Bombachas Clube do Laço – Força B – R$ 15 Mil:

1º Bruno Gomes
1º Rodrigo Gonçalves
1º Jeferson Lopes

Dupla oficial do rodeio força A:
1º Alan Soares e Thaian de Avila
1º Rudah dos Passos e Gilson Santos
1º Cesar Araújo e Claudionor Schuquel

Força B:
1º Mateus Toledo e Felipe Scarparo
1º Marco Atarão e Ricardo Atarão
1º Beto Soares e Honorato Antunes

Força C:
1º Taiane Zochetto e Amanda Zochetto
1º Tiago Lemos e Lucas Scheid
1º Fabio Ecker e Flavio Luiz

Publicidade

Taça Cidade em Duplas força A:
1º Alan Soares e Thaian de Avila
1º Rudah dos Passos e Gilson Santos
1º Ademir de Lima e Nereu Borges

Força B:
1º Jonas Maica e Ismael Capeletti
1º André Carvalho e Lucio Zorzan
1º Ariane Soares e Rick do Canto

Força C:
1º Fernanda Bauman e Jaqueline Eich
1º Mateus Medeiros e Robson da Rosa 

Taça do Reboque:
1º Alan Soares e Thaian de Avila
1º Lucas Forgiarini e Yuri Teixeira

Laçada da marca Fera do Laço - Proprietário:
Thaian De Ávila

Força A:
1º Ademar de Lima
2º Thaian de Ávila

Força B:
1º Rafael da luz
2º Lucas Forgiarini

Fera do laço 2017:

Ademar de Lima

Prenda:
1º Julia Avila

Guri:
1º Mateus Toledo
1º Kauã Boeno

Parabéns a todos!

Finalizo dizendo que a cancha de Santa Rosa, é uma das maiores que já lacei. Deve ter uns 180 metros de comprimento por aproximadamente 70 metros de largura. É um "potreiro!"