Páginas

3º Duelo Wagner Neumann


Hoje quero convidar vocês, para o 3º Duelo Wagner Neumann, que acontecerá nos dias 29 de Novembro a 02 de Dezembro de 2018, na cidade de Turvo – PR.

Evento foi pensado para atrair laçadores dos quatro cantos do Brasil. A premiação para valorizar os competidores será de R$ 80 Mil em prêmios, somando todas as categorias. Evento contará também com transmissão ao vivo, via internet, para todo Brasil. Através do canal Esporte Classe A. A pecuária que irá correr dispensa comentários, sendo 600 bois de uma marca só, sendo este gado inédito. Para os profissionais irá correr somente gado mocho, de quinta a domingo. A única modalidade que poderá correr gado aspado, será no Laço Municipal e Laço Amador.

Lembro também os leitores que lá, iremos realizar o Laço de Ouro 2018 – categoria melhor laçador. A laçada está programada para ser no sábado, dia 01/12, e terá a presença dos melhores laçadores do Brasil. Agradeço o Wagner e o Luis Carlos Brugg, pela oportunidade! Estamos pensando uma maneira de reunir as maiores feras dentro da pista de Turvo – PR.

Portanto deixo aqui, o meu convite a todos. Para se possível, se fazerem presente no 3º Duelo Wagner Neumann.

A presença de vocês é muito importante para nós!

Confira abaixo a programação completa:


20º Rodeio Crioulo Nacional do CTG Sela de Prata

Campeões laço equipe força A

Terminou ontem as 19h30min, na cidade de Biguaçú – SC, o 20º Rodeio Crioulo Nacional do CTG Sela de Prata. 93 equipes participaram do rodeio. Na taça de pelotões foram 500 inscrições. Evento foi bem conduzido e organizado pela casa. 8 equipes converteram as 12 armadas e fizeram a grande final. Na taça 11 duplas na força A, se credenciaram nos pelotões, e fizeram a final. Confira abaixo os principais resultados do 20º Rodeio Crioulo Nacional:

Laço equipe força A – R$ 4 Mil:
1º Idemir Figueiredo, Carlos, Leonardo Santana e Adilson Correa – CTG Vaqueanos do Litoral
1º Guilherme Simas, Léo Silva, Gabriel Canario e Andrey de Souza – CTG Boca da Serra

Taça Satiari Alimentos força A – R$ 3 Mil:

1º Dudu Harger e Leandro Paraná – CTG Boca da Serra
1º Flavio Guilherme e Gustavo Lohn – CTG Boca da Serra

Taça Satiari Alimentos - força B:

1º Anderson Caldas e Edson Moraes
1º Deivty Carvalho e Douglas Bittencourt

Quartetinho embutido:

1º Gabriel Lalau, Renan Souza, Lucas Mateus e Luiz Gustavo – CTG Recanto do Peão

Laço Patrão de CTG:

1º Evaldo Silva – CTG Tio Bia
2º Clenilson Geraldo – CTG Fazenda Eliane
3º Rafael Godinho – CTG Faz. Silva Neto

Laço Pai e Filho:

1º Claudio e Kauã
1º Pedrinho e Izarlan
1º Silvio Duarte e Silvio Neto

Laço Pai e Filha:

Anderson Caldas e Amanda Caldas
Mauricio Rolin e Eduarda
Silvio Duarte e Stefani Duarte

Laço Ex – Coordenador:

1º Adilson Correa
2º Joacir dos Santos
3º Anésio Amorim

Parabéns a todos!


2º Festa do Laço do Haras Barcelona

campeões do individual
Hoje estou aqui para comentar os acontecimentos na 2º Festa do Laço do Haras Barcelona, que aconteceu neste final de semana, entre os dias 02 a 06 de Maio, no Parque do Peão, em Campo Grande – MS. 

Evento reuniu boa parte dos melhores laçadores do Brasil. Que foram atraídos pela premiação de 2 Montana 0KM. Na primeira Montana do laço dupla, cinco duplas e seis vidas dividiram o título e premio: Sendo eles:

1º Ricardo Aguirre e Ramon Vieira - MT/MS (2 vidas)
1º Alisson Bia e Mauricinho Oliveira – MS
1º Gilson Santos e Rudah dos Passos – RS
1º Roberto Guerreiro e Angelito Hernandez – RS
1º Eder Barbosa e Lucas Santos - SP/PR

Falando de laço: Eu cresci ouvindo nomes como: Ramon Vieira e Ricardo Aguirre. Seus nomes sempre foram citados como excelências do laço. Dois laçadores que faz mais de 20 anos que ganham rodeio e festas de laço comprido. São duas lendas do nosso esporte. Por isso, e pelas duas vidas o meu destaque no laço duplas vai para eles: Ricardo Aguirre e Ramonzinho. 


Para os demais campeões lhes digo: Vocês são fera, admirados nos quatro cantos do Brasil. Angelito Hernandez é o atual recordista de armadas e revelação do BFL 2017, Gilson, Rudah, Roberto Guerreiro, são a pratilheira de cima do Rio Grande do Sul. Eder Barbosa, Lucas Santos, o que tem de melhor em seus estados: PR e SP. Alisson Bia, é um garoto promissor da nova geração, como também Mauricinho Oliveira.



Mais de 100 armadas jogadas no individual: No laço individual onde valia outra Montana, foram jogadas 102 armadas, intercalando gado aspado e gado mocho. Cada laçador iniciava a disputa com 3 vidas, sendo guardada. Quatro laçadores (a) dividiram a premiação e título. Sendo eles:

1º Marcos Natis – MS (2 vidas)
1º Amanda Vaz – SP
1º Genaurinho Cortês – PR
1º Alessandro do Vale – PR

Nesta modalidade destaque para o número 1º do Mato Grosso do Sul da atualidade Marcos Natis. O capitão America chegou com duas vidas, jogando 102 armadas e errando apenas uma. O outro destaque e nem por isso menos importante, vai para a prenda Amanda Vaz. Como pode uma mulher laçar tanto. É a segunda camionete que Amanda ganha nesta pista do parque do Peão. No currículo, se não me engano, são três camionetes ganhas por Amanda Vaz. Fora os automóveis. Que currículo senhores!

Genaurinho Cortês, um dos melhores do Brasil. O nome mais respeitado do Paraná. Alessandro do Vale, outra fera que tem o paranazão, e o Brasil, completam a lista de vencedores da 2º Festa do Laço do Haras Barcelona.

Parabéns a todos, pelo show!!


46º Rodeio Nacional do CTG Os Praianos

Equipe campeã da força alta

Terminou ontem na cidade de São José – SC, o 46º Rodeio Nacional do CTG Os Praianos. Evento foi um sucesso de participantes e público. 169 equipes participaram da festa. Na parte artística os shows nacionais de Felipe Araújo e Gustavo Lima movimentaram a plateia. Ainda não tenho os números oficiais da bilheteria, mas pelo que vi com os próprios olhos essa agenda de shows do circuito Brahma foi um sucesso. Gustavo Lima mesmo no show de encerramento do evento, lotou a concha acústica do CTG. Provando que shows nacionais são boas opções de receita aos promotores de eventos. E porque não eventos tradicionalistas.

Dentro de cancha o número de participantes foi bom e tudo transcorreu com naturalidade. Era 17h30min de domingo e as provas de laço estavam todas encerradas. Sendo que em nenhuma das noites houve laço após as 00:00horas.



Opinião BFL: Eu particularmente prefiro e defendo os rodeios com premiações maiores. Portanto achei a programação e premiação da campeira do rodeio deste ano muito modesta, considerando o potencial que tem a entidade. Sendo este um dos maiores CTGs do Brasil. Porém os números provaram que o evento nesses moldes agradou a maioria. A final quase 170 equipes participaram do rodeio. Na taça cidade de São José foram 500 inscrições. Concluindo o raciocínio: O mais importante é existir rodeios, seja com bastante prêmio, ou menos prêmio, seja com shows nacionais ou tradicionais. Assim o povo tem a oportunidade de escolher o evento nos moldes que mais lhe agrada. 

Confira abaixo como foi o resultado das principais modalidades do 46º Rodeio Nacional:

Laço Equipe força A – R$ 7 o total:
1º Eder Schmitz, Delvino de Oliveira, Gabriel Severino e Edinho Schmitz – CTG Eliseu Schmitz
2º Davi Medeiros, Igor Cavalheiro, Claudio Jr e Marcos Dechamps – CTG Coração do Vale
3º Marciel Alves, Aldo Souza, Danilo Souza e Fabiano Camargo – CTG Beira Rio

Laço Equipe força B – 1.800,00:

1º Flavio Guilherme, Gustavo Lohn, Raniele Preve e Gracilio Montibeller – CTG Boca da Serra
1º José Alfredo, Nito, Adilvo Reneirt e Kael Dias – CTG Coração do Vale
1º André Tormem, Adriano Tormem, Sergio Andrade e Luis Tormem – Campos Novos - SC

Taça cidade de São José – força A – R$ 4 Mil:

1º Diego Neves e Guilherme Figueiredo
1º João Paulo e Diogo Marchi

Taça cidade de São José – Força B – R$ 2 Mil:

1º Ari Correa e Marlon Fernandes

Laço seleção de CTG:
CTG Boca da Serra

Laço sócio da entidade:

Sebastião Borges, Marcos Sousa, Mariana Borges, Marcelo Martins, Silvio Neto, Sergio Guimarães, Edson Moraes, Fernando, Deivid Boing e José Felipe.

O destaque do rodeio vai para Aldo Souza, campeão de patrão de piquete, veterano e 3º lugar de equipe. Aldo passou o rodeio invicto, sem errar nenhuma armada. Parabéns a esse lendário laçador que é um dos melhores de todos os tempos da história de Santa Catarina.

A família Tormem de Campos Novos - SC,  também saiu muito feliz do evento, levando 13 troféus para casa.

Parabéns a todos!!